Segunda-Feira, 10 de Agosto de 2020

20/7/2020 - Ribeirão Preto - SP

Taxa de ocupação de UTI cai para 90% em RP




Município recebeu novos respiradores e prorrogou medidas de prevenção até 26 de julho; 41 linhas de ônibus tiveram número de viagens reforçado nos horários de pico

Fotos: Alexandre de Azevedo

 

Com 9.607 casos positivos de Covid-19 e 274 óbitos pela doença, Ribeirão Preto registrou nesta sexta-feira, 17 de julho, uma queda na taxa de ocupação de leitos de UTI, que foi para 90,10%. O índice está relacionado ao recebimento de respiradores e à abertura de novos leitos na rede local de saúde, aliado às medidas de contenção do contágio pelo novo coronavírus que continuam sendo fortalecidas na cidade.


Em coletiva de imprensa, o prefeito Duarte Nogueira anunciou a chegada de oito novos equipamentos enviados pelo Governo do Estado de São Paulo e a prorrogação das regras temporárias de prevenção, que passam a valer até o dia 26 de julho.

 


“Os respiradores chegaram nesta sexta-feira e serão instalados em três unidades de saúde para atender pacientes infectados pelo novo coronavírus. Três respiradores serão destinados para a UBDS do Quintino II, dois para a UBDS Central e três para a UBDS da Vila Virgínia. Além disso, publicaremos o decreto nº 164, que revoga o decreto 146 e estende as medidas restritivas até o domingo da próxima semana, dia 26”, explicou o chefe do Executivo.


Outra medida comentada foi o reforço do número de viagens de 41 linhas de ônibus nos horários de pico, tanto pela manhã (5h30 às 8h30), quanto no período da tarde (16h às 19h). “A mudança foi acordada pela Transerp e o Consórcio Pró-Urbano e faz parte do Plano de Adequação do Transporte Coletivo, que objetiva o controle do número de passageiros transportados nos ônibus, ampliação da frota, campanha de conscientização para o uso de máscaras, distanciamento social, entre outras ações”, disse o superintendente da Transerp, Antonio Carlos de Oliveira Junior.

 


Nogueira ainda falou sobre o início de funcionamento do robô cedido pela Fiocruz para testes de Covid-19, que aumentou em 400 exames diários a capacidade operacional da cidade. “Passamos de 300 que eram realizados diariamente pela estrutura do Supera Parque para 700 exames por dia. Na próxima semana deve entrar em funcionamento o robô cedido pelo Butantan, e nossa capacidade será superior a mil testes diários. Com isso, o represamento de resultados será solucionado e teremos a situação de testagem normalizada”, destacou.


O prefeito ainda ressaltou as ações de fiscalização em Ribeirão Preto. Ação conjunta da Guarda Civil Metropolitana, Fiscalização, Vigilância Sanitária e Polícia Militar, realizada entre os dias 8 e 16 de julho, resultou em 465 estabelecimentos vistoriados, 68 notificações de paralisação, 250 pessoas abordadas sem máscaras e 14 autuações de estabelecimentos.

 



Comunicar erro nesta notícia

Se você encontrou erro nesta notícia, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente ao Mais Ribeirão Preto.


Enviar esta notícia por email



Dogus Comunicação

Sobre a Dogus Comunicação  |   Política de Privacidade  |   Receba Novidades  |   Acesse pelo Celular

Melhor Visualizado em 1200x900 - © Copyright 2007 - 2020, Dogus Comunicação. Todos os direitos reservados.