Segunda-Feira, 24 de Janeiro de 2022

28/2/2013 - Ribeirão Preto - SP

Ribeirão Preto se prepara para a 31ª Caminhada do Calvário




da assessoria de imprensa da Prefeitura de Ribeirão Preto

Toda a organização e infraestrutura necessária para a 31ª Caminhada do Calvário de Ribeirão Preto já começou a ser tratada para que o público possa presenciar um belo espetáculo, na tarde do dia 29 de março, Sexta-feira Santa.

O maior evento cultural-religioso da cidade é marcado por muita fé e tradição e chega aos 31 anos com apresentações emocionantes, atraindo grande púbico. Realizada pela Prefeitura de Ribeirão Preto, por meio da Secretaria Municipal da Cultura, em parceria com o Centro Cultural Arco-Íris, a encenação pública representa não só a via-crúcis, mas aborda também problemas atuais, como a miséria, fome, guerra, desigualdades, violência, ódio, terrorismo e injustiças.

Integrando o calendário oficial cultural de Ribeirão Preto, a Caminhada terá início na Esplanada do Theatro Pedro II, às 16h30, e seguirá pelas principais ruas do centro, chegando ao Morro do São Bento, onde acontecerão as cenas finais da crucificação e ressurreição de Jesus.

A encenação, com cerca de 300 atores e figurantes, é dirigida pelo professor Osmani de Oliveira, que espera atrair um grande público da cidade e da região para assistir a um espetáculo emocionante e de muita qualidade.

Ensaios - Os ensaios da encenação, já começaram e acontecem durante a semana, à noite, e aos sábados e domingos, a tarde, no Auditório da Casa da Cultura e no Centro Cultural Palace. No dia 28 de março está previsto um ensaio geral, na Esplanada do Theatro Pedro II, a partir das 18h30. Mais informações pelo telefone 3636-1206 ramal-230, com a Denísia.

Patrimônio – A Caminhada do Calvário tornou-se Patrimônio Cultural Imaterial da cidade. Por Decreto-Lei nº 12.924 promulgado pela prefeita Dárcy Vera, com Projeto de autoria do vereador Léo Oliveira, em dezembro de 2012.

Via-Crúcis – Do latim, Via Crucis é o Caminho da Cruz, é o trajeto seguido por Jesus Cristo, do momento em que é condenado à morte até ao sepultamento. Um costume que teve origem no século XI, onde os cristãos que percorriam em Jerusalém, os lugares sagrados, veneravam os pontos mais expressivos da Paixão de Cristo. Tal tradição veio para o Ocidente por intermédio de seus conquistadores e até hoje permanece, representando uma peregrinação da Via Dolorosa em Jerusalém.



Comunicar erro nesta notícia

Se você encontrou erro nesta notícia, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente ao Mais Ribeirão Preto.


Enviar esta notícia por email



Dogus Comunicação

Sobre a Dogus Comunicação  |   Política de Privacidade  |   Receba Novidades  |   Acesse pelo Celular

Melhor Visualizado em 1200x900 - © Copyright 2007 - 2022, Dogus Comunicação. Todos os direitos reservados.