Segunda-Feira, 25 de Outubro de 2021

6/2/2013 - Ribeirão Preto - SP

Ribeirão Preto inicia implantação da redução da carga horária para servidores da saúde




da assessoria de imprensa da Prefeitura de Ribeirão Preto

A prefeita de Ribeirão Preto, Dárcy Vera, anunciou nesta terça-feira, dia 5, o início da implantação da redução da jornada de trabalho de 40 para 30 horas semanais aos servidores municipais da área da saúde, sem a redução dos salários. “Essa medida vai beneficiar mais de 900 servidores que ocupam os cargos de auxiliares, atendentes e técnicos em enfermagem, auxiliares de farmácia e atendentes de consultório dentário”,afirmou a prefeita.

Segundo Dárcy Vera, a redução será feita paulatinamente e terá um ano para ser concluída. “A partir de 1º de maio, esses servidores terão a carga reduzida de 40 para 36 horas semanais. A partir de 1º de outubro, cai para 32 horas e a última etapa será concluída em 1º de fevereiro de 2014, quando todos estarão trabalhando 30 horas”, afirmou ela.

Essa implantação acontecerá de forma gradual para que a Secretaria da Saúde possa ter tempo de fazer os remanejamentos necessários, bem como concurso público para preenchimento de vagas que serão abertas.

O secretário da Saúde, Stênio Miranda, disse que essa medida é uma conquista para o serviço público. “O Brasil olha para Ribeirão Preto por suas iniciativas de vanguarda. Essa política de Recursos Humanos é uma conquista para o servidor da saúde”, ressaltou.

O presidente do Sindicato dos Servidores, Wagner Rodrigues, participou da cerimônia e disse que aquele era um momento grandioso para o funcionalismo da saúde. “Fizemos várias reuniões com a equipe técnica da Secretaria e com os gerentes das unidades para que pudéssemos fazer essa transição de forma a não prejudicar os serviços”, explicou. Ele acrescentou que mais uma vez Ribeirão Preto sai à frente dos demais municípios. “Algumas cidades vão demorar de 3 a 10 anos para implantar esse benefício. Em nossa cidade, em um ano, os servidores já estarão nesse novo regime de trabalho”, frisou.

O vereador André Luiz da Silva, vice-presidente da Câmara Municipal de Ribeirão Preto, participou da cerimônia ,assim como os vereadores Genivaldo Gomes, Paulo Modas, Maurício Gasparini, Capela Novas e Rodrigo Simões. André fez parte da Comissão que discutiu a implantação das 30 horas e disse que a medida é um compromisso do município com a classe trabalhadora. “O servidor poderá se qualificar e oferecer mais qualidade no atendimento aos munícipes”, afirmou.



Comunicar erro nesta notícia

Se você encontrou erro nesta notícia, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente ao Mais Ribeirão Preto.


Enviar esta notícia por email



Dogus Comunicação

Sobre a Dogus Comunicação  |   Política de Privacidade  |   Receba Novidades  |   Acesse pelo Celular

Melhor Visualizado em 1200x900 - © Copyright 2007 - 2021, Dogus Comunicação. Todos os direitos reservados.