Quarta-Feira, 26 de Julho de 2017

12/7/2017 - Ribeirão Preto - SP

Prefeitura realiza fórum para discutir moradores em situação de rua




da assessoria de imprensa da Prefeitura de Ribeirão Preto

Foram debatidas estratégias de abordagem destes moradores e de usuários de droga

Na tarde desta terça-feira, dia 11, o vice-prefeio e secretário de Assistência Social, Carlos Cezar Barbosa, reuniu diversas lideranças políticas, assistenciais, vereadores, polícias Militar, Civil, Guarda Civil Municipal e representantes do Executivo para discutir moradores em situação de rua e usuários de entorpecentes em Ribeirão Preto.

Na oportunidade, Carlos Cezar Barbosa apresentou a política para atendimento à população de rua baseado no fundamento legal no âmbito federal – decreto 7.053 de 23 de dezembro de 2009 –, assim como as diretrizes da política para moradores em situação de rua. “A Secretaria de Assistência Social detectou que não havia uma política bem definida para enfrentar a questão dos moradores em situação de rua. Levantamos o problema e trouxemos hoje, uma discussão para lançarmos o olhar a esta questão para trabalharmos juntos”.

Também foram revelados os objetivos da política para população em situação de rua, como instituir a contagem oficial da população em situação de rua, assegurar o amplo acesso aos serviços e programas que integram as políticas públicas de saúde, educação, assistência social, previdência, moradia, segurança, cultura, esportes, lazer, trabalho e renda. “Vamos desenvolver ações educativas que contribuam para a formação da cultura de respeito, ética e solidariedade entre a população de rua para resguardar os direitos humanos”, explicou Barbosa.

Em relação às ações emergenciais para o atendimento aos moradores em situação de rua, o secretário da Semas reiterou a importância da presença do poder público nas áreas de concentração destes moradores (abordagem social, saúde, segurança pública e segurança patrimonial), disponibilização de abrigo provisório aos moradores de rua, oferta de assistência para que moradores de rua obtenham documentos pessoais, disponibilização do programa recomeço aos viciados em substâncias entorpecentes, além de proporcionar alimentação e higiene, aos moradores de rua que se recusam a receber abrigo.

“Por isso a importância de um trabalho integrado entre todos os setores da Prefeitura, Ongs, segurança pública para que alcancemos, até o final de 2017, uma redução em 30% de moradores em situação de rua em Ribeirão”, declarou.

 


Comunicar erro nesta notícia

Se você encontrou erro nesta notícia, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente ao Mais Ribeirão Preto.


Enviar esta notícia por email

Sobre a Dogus Comunicação  |   Política de Privacidade  |   Receba Novidades  |   Acesse pelo Celular

Melhor Visualizado em 1200x900 - © Copyright 2007 - 2017, Dogus Comunicação. Todos os direitos reservados.